O mundo dos sonhos

Parceira com Emerson Soares…

É possível ter uma vida e 36 Desejos

Quero nesses devaneios conquistar todos os meus anseios

Através dos passeios dessa estrada

Em cada  beijos de felicidade

Talvez viver a eternidade

Torna-se minha identidade imortal

Quero ser o anormal….

Sem a existência de bem ou mal

Ou viver duas vidas com 72 desejos

Duplicando o mesmo eu

Constituído vários pedaços

Em meios dos abraços daquilo que busco

Cada parte sussurra uma arte

De nuances e contrastes febris

Logo é mês de abril…Estarei em marte

O mundo dos meus sonhos

Nada de olhos de olhos tristonhos

Ainda tenho desejos pelos seus segredos

Onde que estão todas as suas palavras. Não encontro!

Que diziam o resto de minha vida

Parece que é a despedida

Caminho tão perdida em ilusões

E fico esquecida pela própria voz

O que será de nós?  Se não fosse a arte de ser feliz

Tudo que sempre quis

Um minuto de tranquilidade

E aproveitar a eternidade…

Com toda liberdade

Acho que está chegando ao fim da nossa história

Acabou sem vitória

Quanta inglória,

A única coisa que resta é esperar

E saciar meus outros desejos

E conseguir viver três vidas e seus 108 desejos.

Onde que chegarei?

Imersa ao infinito

Perco-me no abismo dos anseios

Nada faço além de tentar acabar com essa a sede insaciável

Que liderar dentro do ar instável

É o fim….Perco-me dentro de mim

Voltou novamente no mundo dos sonhos

Anúncios